sábado, 16 de dezembro de 2017

Mais de trinta

“A mulher que mais abalou minha vida: Ella, e o mistério de seu poder de conquista”

O amor acabou

O amor acabou

Recentemente nosso caro e principal redator (Marcelo Vitorino) escreveu uma crônica muito oportuna sobre o que faz uma mulher ser especial a ponto de abalar e conquistar definitivamente um homem. Se dissesse que concordo com todos e cada um dos motivos que ele enumerou (embora muito fundamentados na razão) minto e estarei apenas tentando “puxar-lhe o saco”, o que com certeza não é de meu feitio. No meu caso em particular e da maioria dos amigos que tenho, a aparência física da garota é um diferencial marcante em suas trajetórias, sendo seguido e combinado com o desempenho sexual acima da media. Como diria Vinicius: “Me desculpem as barangas e ruins de cama, pois beleza e ultra-sensualidade são essenciais” (em minha própria e livre adaptação).

Pensem em alguem que apesar de consumir quantidades maciças de pornografia e sonhar com ninfomaníacas desde a tenra pré-adolescencia (não me culpem, não sou o único de minha geração a perdida “X”) ainda assim se relacionou apenas com 3 mulheres de forma intima até a idade de 39 anos. A primeira em todos os quesitos (1° beijo,1° relação sexual e 1° amor) dos 15 aos 19 anos de idade, culminaria em um noivado prematuro que terminaria tragicamente (ela literalmente me deixou no “altar” e se casou com outro). A segunda que foi apenas namorada e durou dos 21 aos 23 anos (essa eu que abandonei); e por fim a terceira que se tornou minha esposa durante um período de 10 anos de fidelidade absoluta (dos meus 27 aos 37 anos; sendo a primeira metade desse tempo no Céu e a segunda no Inferno, e após muito agonizar dei um fim no nosso “moribundo amor”). Apenas 3 corpos, 3 mulheres diferentes em fases distintas da minha vida foram meu cartel sexual por muito tempo, e cheguei a pensar por diversas vezes que seriam as únicas experiências nesse campo pra mim. A idade e principais características delas, só pra vocês leitores se situarem de meus gostos e hábitos:

  1. A que passarei a chamar apenas de numero 1 tinha 13 anos quando conheci e me acompanhou na jornada até seus 17, tinha estatura media, cabelos louros e pele bronzeada num belo contraste (considerada morena-clara), corpo curvileneo com destaque para bumbum e pernas bem grossas.
  2. A numero 2 tinha 17 anos e me acompanhou até os 19, alta,cabelos cor de mel fantásticos ( com certeza seu ponto mais forte; muitas mulheres a paravam na rua querendo saber qual era o tom de corante que usava na “juba” que chegava aos quadris, pois ela nunca havia cortado o mesmo; ninguém acreditava quando ela dizia ser de cor natural) pele branquinha tipo gaucha (embora fosse natural de Goiás) e olhos da mesma cor do cabelo (chega!!! Só de descreve-la já estou sentindo saudades, kkkkkkk). Destaque do corpo para seios GG empinados e pernas grossas…
  3. A numero 3 tinha 37 anos e me acompanhou até os 47 (pois é , nem só de novinhas vive um homem, pra quem estava me acusando de ser o tio da Sukita), baixinha, bailarina clássica de formação, rata de academia de vocação, corpo e principalmente BUMBUM avantajado e muito bem desenhado por DNA privilegiado e rotina pesada fitness. Em uma rápida definição : MILF deliciosa de corpo e normal de rosto.

    Como deu pra perceber sempre fui muito criterioso em minhas escolhas de companheiras e não era do tipo “come-qualquer-coisa-no-fim-de-balada”, como a maioria de meus amigos eram. Por isso era o mais modesto em números de conquistas da turma e o ultimo a perder a virgindade (17 anos com a noiva).

Eram legais as minhas garotas? Sim, pelo menos enquanto estávamos juntos. Eram gostosas e bonitas ? Definitivamente sim, como notaram pelas minhas descrições das mesmas.Sabiam transar e eram boas de cama? Bem isso já é outro papo totalmente diferente. Enquanto tinha pouca experiência sexual elas me satisfazeram e até mereceram minha fidelidade; porem nunca recebi um oral decente e nem sonhava com sexo anal: elas eram muito tradicionais e travadas em assuntos sexuais mais picantes (era principalmente PPMM e mais 2 ou 3 posições um pouco mais ousadas e só).

Sem mais enrolação, após ficar solteiro novamente percebi que estava muito defasado e atrasado no quesito sexo e não acompanhava as espertas moçoilas do século XXI. Fiquei um tempo estudando seus hábitos, seus locais de encontros e modus operandi e saí a caça finalmente depois de mais de 2 anos de seca e já com quase 40 anos de idade. Resultado e saldo desde então : 22 mulheres diferentes variando de idade entre 19 e 35 anos com raras exceções de biotipos e etnias ainda não degustadas (mestiças orientais, mulatas, negras e ruivas) já experimentei todos os outros tipos inclusive 1 gringa. A maioria absoluta com corpos esculturais do tipo violão ou Panicat´s se preferirem, baixinhas de 1 metro e meio, altonas de 1,85m,pseudo-famosas da mídia, ilustres desconhecidas, super-atletas, outras com metabolismo sem igual do tipo que comem o que querem e não frequentam academia sem nenhum prejuízo para seu corpo (ainda);ninfomaníacas insaciáveis, egocêntricas frias e frigidas que se garantem apenas no visual; etc, etc, etc… Todos os tipos , formatos e tamanhos de garotas e eu aproveitei e muito (e ainda aproveito), e não tenho do que reclamar (mesmo continuando chato filtrador e detalhista em minhas escolhas de presas sexuais).

Sou milionário, famoso ou bonitão a la “Gianechinni”? Definitivamente não para as 3 questões; apenas estou no lugar certo, na hora certa e com o dom da palavra certa na ponta da língua sempre; explico: trabalho com eventos disputados e exclusivos (tipo Salão do automóvel, Formula 1,Fashion Week, pra citar alguns) e sempre tenho influencia pra “indicar e empregar” modelos nesses job´s (entenderam agora o poder de meu “charme pessoal”? kkkkkkk). Essa minha ocupação somada a minha facilidade com as palavras (tanto orais como escritas) me abrem muitas portas e porque não dizer pernas também! Kkkkkkkkkkkkkkkkkk

E tudo caminhava para me tornar um Dom Juan de 5° categoria perdido nas curvas das belas modelos e aspirantes a famosas em SP…senão tivesse conhecido ELLA em outubro de 2012. Aí minha vida virou de cabeça pra baixo e entrei numa espiral auto-destrutiva de um “amor” louco e sem futuro por essa bela morena que convencionalmente apenas nomeio de “ELLA” (por razões de privacidade da mesma que é comprometida e meio famosinha no mundo FASHION); a propósito saudações ao noivo desatento e inocente da mesma sem o qual nada entre nós se tornaria possível ,RS.

ELLA como já descrevi em outros post´s pormenorizados tem um corpo e uma BUNDA que valha-me Deus nessa hora!!! , Na verdade a BUNDA DELLA é que a tem, tamanha perfeição e design FRIBOI. E o rostinho, voz e boquinha em forma de coração (apelidei de kit ninfeta); LINDA, LINDA,LINDA DE VIVER (como diria a simpática e finada Hebe Camargo). Rosto de princesinha Disney num corpo de sereia…no sexo uma potranca no cio sempre, que consegue ser delicada, sensível e selvagem tudo junto e ao mesmo tempo (não me perguntem como). Com ELLA fiz pela primeira vez o sonhado e dificil de conquistar (pelo menos no meu caso) sexo anal. Que experiência incrível na véspera do Natal de 2012 (bem melhor que a ceia acreditem). ELLA rebolando, se empinando, jogando o cabelão de um lado para o outro de 4, respingando gotículas de suor em meu rosto…que CURVA LOMBAR FANTASTICA! Culminando com um gozo sincronizado de ambos que ela regia como maestrina segurando e apertando minha mão. Tudo na cama (ou no chão, ou no sofá, ou de pé durante uma ducha, ou na piscina do motel, etc) com ELLA foi superlativo, inesquecível e insuperável. https://www.youtube.com/watch?v=HRsFRe9hGDI

ENTENDERAM O POR QUE DO TITULO DESSE TEXTO? SIM, ELLA COMO NINGUEM MARCOU E ABALOU MINHA VIDA PRA SEMPRE!

E só, finito…finish, o sonho acabou. Pois no ultimo dia 7 ELLA proclamou sua independência desse meu amor tão insano e psicopata (palavras da mesma) e literalmente me mandou as favas! kkkkkkkkkkkkk Desde então bloqueado em todas as suas redes sociais ou canais de comunicação segue em silencio absoluto fazendo algo em que também ELLA é mestre : ME IGNORAR (nisso ELLA merece um Oscar de melhor atuação com certeza). Estou com dor de cotovelo? Talvez…estou com raiva DELLA? Jamais, não consigo nutrir sentimentos negativos pela mesma. Vou desistir ? Quem sabe…só o tempo dirá. Acharei alguém que a substitua? Sim, por que não? Campo de pesquisa meu é vasto e já estou analisando currículos e por razões pessoais estou empenhado em tal missão de corpo e alma…com certeza os atualizarei por aqui de minhas desventuras com ELLA e aventuras com outras (achei cartática e relaxante a experiência de relatar aqui no blog, espero que vocês também tenham gostado).

E como de costume para arrematar a loucura e volúpia que me causa ELLA nada como uma musica dele o Mestre da Musica Erótica: Wando, em sua interpretação: “Deus te proteja de mim”

 

Comentários

Comentários

Conteúdo exclusivo e promoções

Cadastre-se

Cadastre seu e-mail para receber as atualizações do Mais de Trinta e ser informado de promoções exclusivas para assinantes. Você receberá duas mensagens por semana!