Sunday, 20 de October de 2019

Mais de trinta

Síndrome do Doar menos e querer mais, amor é doação

Queremos o amor?

Queremos o amor?

O que mais escuto de amigas é a indisponibilidade para serem mães. Algumas outras a indisponibilidade para terem um relacionamento. Dos rapazes as falas são bastante parecidas e esses justificam não ter encontrado a pessoa ideal, mas por ironia quando encontram meninas legais fogem com desculpas mais que esfarrapadas. Falta de amor está diretamente ligada à falta de tempo para doar-se.

O imediatismo toma conta das ações e mentes da galera. Sonham com um amor de novela ou de contos de fadas, onde conhece uma pessoa e já sabe-se imediatamente que é o amor de toda a vida e a recíproca é totalmente verdadeira. Crítico isso. Insatisfação arrastada pela vida afora. Não se constrói nada, não se luta por nada, e ainda acham-se todos merecedores de todas as coisas.

Eu não saberia pontuar quais motivos fazem com que as pessoas se escolham para qualquer tipo de relação, é algo extremamente pessoal. Mas arrisco descrever que amor é algo ligado diretamente a tempo dedicado. Há uma relação próxima entre a grandiosidade do que se sente e o tempo que se disponibiliza para fazer o sentimento crescer e durar. É muita pretensão achar que o amor é para sempre se ele não é cultivado. Observo até em relações familiares o sentido de não pertencimento e o natural afastamento por resposta à falta de empenho, zelo, presença. E ainda há a pior das questões familiares, por ter o mesmo sangue entende-se que os laços afetivos irão bater para sempre no coração aquecido pelo sangue correndo nas veias. Só lamento por eles, estão fadados à triste solidão dos umbigos.

Costumo ver tantos egoístas tratarem o amor como algo unilateral. Se a pessoa o ama fará tudo para ficar com ele. Verdade, mas será infeliz ou um dia desistirá dessa empreitada de dois solitária. Amor é cuidado. Quanto mais envolve sua vida com a de alguém mais haverá aproximação.

Nunca ache que as relações são para sempre se uma das partes não se importa com a outra. Os interesses mudam ao longo da vida, e com eles muitas pessoas vão junto. É o metrô da vida, enquanto alguns chegam outros se vão agarrados nos interesses do momento e em uma rapidez nunca antes vista. E precisamos estar preparados para chegar e para partir, para recepcionar e se despedir.

Dedicação de tempo é a maior prova de amor que existe atualmente. Vejo poucos quererem mais momentos simples com o outro. Fala-se apenas em perder tempo. Quase ninguém vê o final de uma relação como uma possibilidade de amadurecimento, falam apenas em tempo perdido. Poucos encaram a vida como passageira e que devemos aproveitar os sentimentos genuinamente, fala-se apenas em tempo perdido com frescuras.

Ser o mais rico do cemitério ou o profissional mais competente e promissor em um leito de hospital é uma visão tenebrosa para meus olhos. Ser o pegador das galáxias ou a feminista desprendida são comportamentos tão sem substância que chegam a voar com uma bufinha descuidada. O ser humano está trocando as relações reais pelas virtuais ou ainda as reais pelas reais passageiras. Desprendimento incompetente. Justificam a falta de profundidade com a competência em reunir pela quantidade e qualidade ninguém tem e nem quer. Incompetentes!

O que consigo ver claramente são solitários errantes que só aproximam de sua própria vida pessoas vagas com ideais vagos e ainda acham que é o mais certo do mundo em não ter perdido tempo com pessoas voláteis, não sabendo ele que as pessoas se foram justamente pela ausência de intenções, e cuidados.

Culpar o semelhante pela sua solidão ou ainda vangloriar-se pela sua sapiente seleção é a mais simples e medíocre terceirização da própria vida. Ainda há tempo para trazer para perto o que é importante para si e se dedicar a isso. Sempre dá tempo quando se quer algo. Sempre consegue-se tempo quando alguma coisa é importante. Adiante seu lado e se preciso for, corra!

 

 

 

Comentários

Comentários

Conteúdo exclusivo e promoções

Cadastre-se

Cadastre seu e-mail para receber as atualizações do Mais de Trinta e ser informado de promoções exclusivas para assinantes. Você receberá duas mensagens por semana!