Monday, 14 de October de 2019

Mais de trinta

Samba: uma fonte de inspiração

Adriana Gomes

Foto: Alexandre Takeda

Olhem para essa foto! Olhe o sorriso dessa mulher! Olhe novamente e… inspire-se! Essa é a Adriana Gomes, a porta-bandeira. A guerreira, a persistente, a profissional, a amiga. Apaixonada pelo que faz, apaixonada pela vida. Neste Carnaval paulistano, recebeu o Troféu Destaque, do jornal Diário SP (veja a justificativa da jurada na foto), como melhor porta-bandeira do Grupo de Acesso e viu a Mancha Verde voltar para o Grupo Especial.


Diário de SP

O.k. Certamente vários sambistas — conheço alguns — trazem na bagagem histórias sensacionais de conquistas, vitórias, perdas. Mas a Adriana, ah, a Adriana se superou!

Porta-bandeira há mais de 15 anos, sempre esteve na ponte aérea Rio-São Paulo. Mas em maio de 2012 o elevador de um edifício em Copacabana, Rio de Janeiro, caiu do sétimo andar. Dentro, estava Adriana. Seu joelho esquerdo estourou com a queda.

Arrebentou mesmo — dois ligamentos, a patela e a cartilagem foram seriamente rompidos. Sua trajetória foi interrompida. Sua carreira brecou. Antes e depois da cirurgia, a Adriana viveu dias difíceis, incertos, cheios de dúvidas. Mas a sua essência e origem — é filha da porta-bandeira Maria Gilsa, já falecida, e do Mercadoria, diretor de Harmonia da Rosas de Ouro — falou mais alto. Beeem alto!

De cabeça erguida e com muita fé em Deus e em si mesma, traçou um plano para se recuperar e voltar a bailar na passarela do samba com a leveza e a competência de sempre. E o seguiu fielmente, com determinação e vontade. Do seu lado, amigos queridos a apoiaram na longa recuperação que para muitos parecia impossível. Aliás, não me conformo com quem fica satisfeito com o infortúnio alheio. Simplesmente não entendo isso.

Bom, mas o fato é que Adriana não só “zerou” o joelho fazendo Pilates como eliminou mais de 20 quilos em um ano. Quando a encontrei no amigo secreto de 2013 (e foi ela quem me tirou!), fiquei megafeliz. Dona de um sorriso largo e sincero, ela estava ainda mais bonita e radiante. Seu brilho vinha de dentro, do coração, da alma — Adriana ilumina qualquer ambiente, contagia qualquer mal-humorado. E a gargalhada? Ah, dou risada só de lembrar!

Hoje, 5 de março, ela postou no Facebook que foi bom acordar e não ter mais que correr para lá e para cá — ela não só se preparou para desfilar como fez mastros, talabartes e bastões para outros casais de mestre-sala e porta-bandeira e também integrou a equipe do site SRZD como comentarista de Carnaval.

Descanse, guerreira, recupere o fôlego! Pessoas como você traz cor, alegria e entusiasmo nesse mundo tão cinza em que vivemos. Parabéns por ser essa mulher divina e sensacional que é! Obrigada por ser fonte de inspiração!

 Leia outras colunas de Ana Neiva.

Conheça os colunistas do Mais de Trinta.

Comentários

Comentários

Conteúdo exclusivo e promoções

Cadastre-se

Cadastre seu e-mail para receber as atualizações do Mais de Trinta e ser informado de promoções exclusivas para assinantes. Você receberá duas mensagens por semana!