Saturday, 28 de May de 2022

Mais de trinta

Chocolate e sexo

Fontes de prazer sem dúvida. Tanto sexo como o chocolate são de virar os olhos. Nesse momento como uma boa chocólatra, estou devorando alguns chocolates enquanto escrevo, já que fica meio complicado escrever enquanto se faz sexo.

Sexo com chocolate

Sexo com chocolate

A empresa Unilever realizou um estudo em 13 países, incluindo o Brasil, para descobrir o qual a preferência das mulheres. A pesquisa mostrou que as brasileiras são as maiores fãs do doce: 83,6% das participantes colocam o chocolate no topo da lista. O sexo só apareceu em quinto lugar, com 73,3% dos votos.

Chocolate contém L-arginina, um aminoácido que pode potencializar o desejo de forma eficaz para homens e mulheres. Ele funciona através do aumento do óxido nítrico e promove o fluxo sanguíneo para os órgãos sexuais, o que aumenta o prazer.

Vários estudos estão sendo feitos ligando definitivamente o chocolate ao sexo. Um projeto, em uma universidade italiana, segundo informou o The Journal of Sexual Medicine, relatou que um grupo de mulheres consumiu sob orientação e controle uma pequena barrinha de chocolate por dia e experimentou um significativo aumento do desejo sexual, melhorando assim a performance na relação. Bom para um? Melhor ainda para os dois. Opa! Descobri porque sou praticamente ninfomaníaca…uiiii!

Chocolate ou Sexo?

Essa história de escolher entre sexo e chocolate, não faz nenhum sentido. Pois o prazer que cada um oferece é completamente diferente. Apesar de não haver evidências suficientes para considerarmos o chocolate um vício, algumas pessoas relatam sensação de energia, alegria, bem-estar e euforia após o consumo.

O prazer que o chocolate oferece é um prazer obtido através do consumo de cacau que contém substâncias psicoativas, como se fosse uma droga. Ao ingerir essa substância você tem uma sensação de prazer. Que não é física é neurológica. Já no sexo você tem tanto a sensação de prazer física como a neurológica através do orgasmo. Ou seja, o ato sexual é muito mais complexo. Muitos fatores estão envolvidos. Você não precisa estar apaixonada pelo chocolate para sentir prazer. Já sexo sem paixão é mais difícil. Vejam que não falei impossível, apenas mais difícil.

Então cada um no seu quadrado. Os dois são bons, os dois fazem bem. Lógico com certa moderação.

Sexo com chocolate

Agora vem a parte boa, os dois juntos, sexo e chocolate, chocolate e sexo. A ordem dos fatores não altera o prazer. Com um bom toque de imaginação você levará seu parceiro às nuvens. Derramar chocolate derretido sobre o pênis do parceiro e depois caprichar no sexo oral. Pode ser feito em qualquer parte do corpo.

Colocar pequenos pedaços de chocolates pelo corpo e fazer um jogo de perguntas e respostas. Se o parceiro acertar você vai comendo o chocolate até chegar no interessado. Os dois degustarem um fondue de chocolate com frutas a luz de velas, pode ser muito excitante.

E os óleos de massagem com aroma de chocolate, que unem os dois sentidos olfato e tato. Então lobinhos e lobinhas em vez de ficar perdendo tempo escolhendo, unam o útil ao agradável, se lambuzem de prazer e divirtam-se.

Obs: Consumo de chocolate durante a produção do texto aproximadamente 400gr.

Beijos da Loba!

Comentários

Comentários

Conteúdo exclusivo e promoções

Cadastre-se

Cadastre seu e-mail para receber as atualizações do Mais de Trinta e ser informado de promoções exclusivas para assinantes. Você receberá duas mensagens por semana!